Poema musicado Pequeno homem pequeno

videoVideo gravado em casa num sarau para amigos em junho de 2011. Letra de Marcelo Plácido, Arranjo Pr. Tarcisio. Pequeno homem pequeno Oh pequeno homem pequeno e prepotente Quando passa, não me olhas Se me olhas, não me vês Quando vês, não me enxergas Oh pequeno homem pequeno e prepotente Se achas grande Grande é nada Grandes são os Elefantes Oh pequeno homem pequeno e prepotente Saiba de uma verdade Sr. pequeno, Todos que te cercam são iguais a ti Ninguém maior do que ninguém Essa é a lei pequeno homem pequeno e prepotente Por que se esconder atrás desta parva aparência? Sua altivez é medíocre, não percebes? Ela te faz distanciar dos homens bons Cuidado!!! Cuidado pequeno homem pequeno e prepotente Cuidado!!! Quando o barro pela pá te cobrir Poderá em abundância do céu cair água Mas lágrimas não cairão Retirado do livro Porém Efervescente, Marcelo Plácido Editora; Inteligência, 2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário